7 de out de 2013

Uma contribuição do NETeF para o estado-da-arte


Novos modelos sub-malha desenvolvidos por pesquisadores do NETeF em colaboração com o “Multiphase Flow Group” da Universidade de Princeton foram implementados no código MFIX, na sua versão mais recente MFIX2013-2 (link). Trata-se de modelos de fechamento que permitem simulações de grandes escalas mais realistas de processos em reatores de leito fluidizado de craqueamento catalítico de petróleo, combustão e gaseificação de carvões, resíduos e biomassas (link) . O MFIX (“Multiphase Flow with Intherphase eXchanges”) é um código computacional aberto desenvolvido pelo “National Energy Technology Laboratory” (NETL), pertencente à rede de laboratórios de pesquisa do Departamento de Energia do governo dos USA (https://mfix.netl.doe.gov/). O código incorpora o estado-da-arte em modelagem de escoamentos gás-sólido, sendo assim uma poderosa ferramenta de pesquisa amplamente utilizada pela comunidade científica internacional para estudo e desenvolvimento de modelos de processos em reatores de leito fluidizado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário